Governo pagou R$ 539 milhões em emendas ao RS; Porto Alegre recebeu R$ 177 milhões - Caarapó Online

CAARAPÓ - MS, quinta-feira, 20 de junho de 2024


Governo pagou R$ 539 milhões em emendas ao RS; Porto Alegre recebeu R$ 177 milhões

Governo pagou R$ 539 milhões em emendas ao RS em 3 dias; Porto Alegre recebeu R$ 177 milhões

Publicado em: 09/05/2024 às 19h33

Aline Rechman

Após os desastres ocasionados pelas cheias no Rio Grande do Sul, o governo federal passou a liberar o pagamento de emendas parlamentares que já estavam destinadas aos municípios desde fevereiro e março. Em três dias, foram pagos R$ 539.136.180,00 em recursos destinados por deputados federais, senadores e pela bancada gaúcha.

Do valor total, a maior parte dos recursos é para a área da saúde. São R$ 503 milhões divididos entre a atenção básica e a assistência hospitalar e ambulatorial. Os pagamentos de emendas relacionadas à agricultura somam R$ 28 milhões. Houve ainda a liberação de R$ 7 milhões para assistência social.

Dentre os municípios que mais receberam recursos estão a capital gaúcha, uma das mais afetadas pelas enchentes. Porto Alegre (RS) recebeu em três dias R$ 177 milhões. O segundo município que mais recebeu recursos foi Caxias do Sul, com R$ 23 milhões.

De acordo com o levantamento feito, com base nos dados de pagamentos dos dias 3, 6 e 7 de maio do Siga Brasil, a cidade de Lajeado(RS) já recebeu R$ 7,3 milhões, enquanto Estrela(RS) obteve o repasse de R$ 4 milhões e Canoas(RS) foi beneficiado com R$ 1,9 milhões.

De acordo com a lista, 457 municípios receberam pagamentos nos últimos dias. No entanto, o número de municípios atingidos, de acordo com o mais recente boletim da Defesa Civil do estado, é de 428 municípios. Desses, 336 já tiveram o estado de calamidade pública decretado pelo governo federal, em razão das enchentes.

A maior parte dos recursos das emendas foi destinada aos municípios pela bancada gaúcha. Foram R$ 142 milhões destinados em conjunto pelos deputados e senadores do estado do RS. Individualmente, o senador Paulo Paim (PT-RS) foi o que mais conseguiu efetivar pagamentos de suas emendas nestes últimos dias, alcançando a marca de R$ 23 milhões. Depois dele, sete deputados de diversos partidos conseguiram liberar valores na casa dos R$ 18 milhões cada.