Banco Central americano põe taxa juros em 1,75% ao ano, maior alta em 28 anos - Caarapó Online

CAARAPÓ - MS, domingo, 3 de julho de 2022


Banco Central americano põe taxa juros em 1,75% ao ano, maior alta em 28 anos

BC dos EUA eleva taxa de juros em 0,75 ponto percentual, maior alta em 28 anos. Inflação nos EUA é a maior em 40 anos.

Publicado em: 16/06/2022 às 06h11

Reuters

O comitê de política monetária (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) decidiu aumentar a taxa básica de juros dos Estados Unidos em 0,75 ponto percentual. É a maior alta desde 1994. O anúncio foi feito na quarta-feira (15.06). Com isso, o juro norte-americano vai oscilar entre 1,50% e 1,75% ao ano a partir desta quinta-feira (16.06). A alta faz parte de uma ofensiva do Fed para conter a inflação nos EUA, que está no maior patamar dos últimos 40 anos. O índice de preços ao consumidor (CPI, na sigla em inglês) dos últimos 12 meses encerrados em maio atingiu 8,6%.

A escolha por uma elevação de 0,75 ponto percentual não foi unânime, mas decidida por ampla maioria. O banco central americano sinalizou que deve seguir aumentando os juros de forma agressiva este ano. A expectativa é que alcance uma taxa de 3,4% ao ano até dezembro. Há um temor no mercado de que a economia dos EUA entre em recessão, arrastando outras economias do mundo.