Os brasileiros Neymar e Alisson são indicados ao prêmio The Best da Fifa - Caarapó Online

CAARAPÓ - MS, terça-feira, 7 de dezembro de 2021


Os brasileiros Neymar e Alisson são indicados ao prêmio The Best da Fifa

A votação já começou na segunda (22.11), no site da Fifa, e vai até 10 de dezembro.

Publicado em: 23/11/2021 às 05h37

EBC Esportes

O atacante Neymar (PSG), o goleiro Alisson (Liverpool) e o ítalo-brasileiro Jorginho (Chelsea) estão entre os indicados ao prêmio The Best Awards, da Fifa, que contempla os melhores jogadores, treinadores e goleiros, entre homens e mulheres, na temporada 2020-21. A votação já começou na segunda (22), no site da Fifa, e vai até 10 de dezembro. Os nomes da lista, anunciada pela entidade na segunda-feira (22.11), foram eleitos por grupos (feminino e masculino) formados por ex-jogadores e técnicos.

A votação online do público em geral representa 25% do colégio eleitoral, formado ainda por treinadores (25%) e capitães (25%) de seleções nacionais, além de jornalistas (25%). A cerimônia de entrega - de forma virtual - será em 17 de janeiro, em Zurique (Suiça). Os nomes da lista, anunciada pela entidade na segunda-feira (21.11), foram eleitos por grupos (feminino e masculino) formados por ex-atletas e técnicos.

No ano passado, Neymar também figurou entre os dez indicados a melhor jogador do ano, mas o troféu ficou com o centroavante Robert Lewandowski (Bayern de Munique), que também defende a seleção da Polônia.

Entre os brasileiros que já conquistaram o The Best Awards estão a atacante Marta, melhor do mundo em 2018, o goleiro Alisson, atual detentor dos últimos dois prêmios de melhor goleiro, além da torcedora do Palmeiras Silvia Grecco, que ganhou o Fan Award de 2019, por levar o filho Nickollas (autista e com deficiência visual) ao estádio e narrar as partidas para ele.

O brasileiro Alisson, atualmente no Liverpoll, já conquistou duas vezes o prêmio. De acordo com a Fifa, a relação de indicados ao Prêmio Puskas será anunciada em breve. A láurea foi integrada em 2016 ao The Best Awards, mas já era entregue desde 2009. Neymar faturou o troféu em 2011, quando defenida o Santos, e Wendell Lira, do Goianésia-GO, em 2015.