Prefeito decreta medidas de prevenção ao coronavírus em Caarapó (MS) - Caarapó Online

Caarapó - MS, segunda-feira, 25 de maio de 2020


Prefeito decreta medidas de prevenção ao coronavírus em Caarapó (MS)

Decreto determina a suspensão das aulas na rede municipal de ensino a partir da próxima segunda-feira

Publicado em: 17/03/2020 às 18h07

Dilermano Alves

O prefeito André Nezzi (PSDB) assinou decreto no fim da manhã de terça-feira (17.03) determinando a adoção de medidas de prevenção ao contágio e de enfrentamento e contingenciamento da epidemia de doença infecciosa viral respiratória causada pelo novo coronavírus, que causa a COVID-19. O ato considera o urgente emprego de medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença no município de Caarapó, apesar de não haver nenhum caso suspeito da COVID-19 registrado no município.


De acordo com o Decreto nº 026, as aulas estarão suspensas na rede municipal de ensino a partir da próxima segunda-feira (23.03). Em rede social, o dirigente publicou: “Com o intuito de proteger nossas crianças, nossos professores, funcionários administrativos, demais servidores da área e para ajudar a conter a propagação do Coronavírus Covid-19, a Prefeitura de Caarapó decidiu hoje, 17.03, decretar o fechamento das escolas e centros municipais de educação infantil a partir de segunda-feira, 23 de março, por tempo indeterminado”.


André Nezzi esclareceu que na quarta, quinta e sexta-feira desta semana, as escolas e centros de educação infantil seguem com suas atividades normais, porém, a frequência dos alunos será opcional por parte dos pais, não resultando em faltas ou perda de conteúdo novo, para que os mesmos possam se organizar. Essa recomendação também será repassada aos centros educacionais e faculdade particulares. A carga horária da Secretaria Municipal de Educação será posteriormente ajustada para que não haja prejuízo educacional.


O ato estabelece ainda a suspensão da concessão de licenças ou alvarás para realização de eventos privados com público superior a 100 pessoas. Os servidores públicos municipais lotados na Secretaria Municipal de Saúde não terão concessão de férias nos próximos 60 dias, podendo usufruí-las em data futura.


Conforme o prefeito, o Poder Executivo municipal e seus órgãos vão acompanhar a situação da pandemia, avaliar a necessidade de novas providências e manter a população informada. “Ajude-nos nesta batalha, cumprindo as exigências e adotando as medidas de prevenção”, conclama André Nezzi atodos os munícipes.