Escola de Dourados aposta em ensino tecnológico - Caarapó Online

Caarapó - MS, sexta-feira, 25 de setembro de 2020


Escola de Dourados aposta em ensino tecnológico

Escola de Dourados aposta em ensino tecnológico preparando alunos para o futuro

Publicado em: 21/01/2020 às 06h21

Douranews

Alunos construindo robôs, programando-os para missões fictícias no espaço, participando de competições que seguem regras internacionais. Parece coisa do futuro, não é? Mas já é uma realidade na rotina dos alunos da Escola SESI de Dourados. E essas são apenas algumas das tantas inovações que a escola proporciona para tornar o aprendizado algo atual e prazeroso para os alunos, muito mais condizente com os hábitos do jovem de hoje do que os maçantes e tradicionais métodos de ensino.


Presente também em outras seis cidades do nosso estado (Campo Grande, Três Lagoas, Aparecida do Taboado, Maracaju, Naviraí e Corumbá), a Escola SESI sempre esteve em busca de novas tecnologias e abordagens. E hoje, quando a oferta por matérias como informática e robótica nas escolas é bastante presente, a Escola SESI se posiciona com a maturidade de quem já investe em novidades como essas há tempos.


"Sendo parte da Fiems, a Escola SESI se posiciona com uma proposta pedagógica prática e tecnológica,de proporcionar ao aluno, desde cedo, o entendimento e conexões com os avanços do mundo. Isso tem favorecido a formação de jovens que se destacam nos mais variados aspectos pela maturidade e domínio avançado nas ferramentas e conhecimentos que antes eram acessados apenas na vida adulta”, afirmou a gerente de educação do Sesi, Simone Cruz.


E a inovação não para na robótica e programação, ferramentas que são aliadas de várias matérias como matemática, geografia e inglês. O aluno também tem acesso ao universo científico desde cedo com os times de Iniciação Científica, nos quais os estudantes são estimulados a pensar, defender teses e criar conteúdo nos moldes científicos. Isso faz com que esses jovens ingressam na faculdade por meio de uma transição suave, já familiarizados com as exigências de linguagem e pesquisa.


Existe ainda a preocupação em preparar o aluno para ser capaz de transformar todo conhecimento em algo útil e valioso. Por isso os estudantes recebem orientações e participam de programas que fazem parte de uma Formação Empreendedora.


A diretora da Escola, Sibele Aparecida Silva, enfatiza que a instituição utiliza a metodologia ativa, que propícia o desenvolvimento de vários projetos. “O resultado desse trabalho é a inserção de nossos alunos ao mundo científico da escrita e de descobertas que favorecem a melhora de uma comunidade e ainda oferece a oportunidade para que nossos alunos participem de feiras de iniciação científica nacionais. Trabalhamos também fortemente o empreendedorismo, pautado na Feira JEPP (Jovem Empreendedor Primeiros Passos)”.


Por esses e por vários outros fatores, como estrutura e preparação dos professores, a Escola SESI é a opção mais acertada para que jovens possam acessar o futuro. Um ensino atual, mais interessante e rico em conhecimento e que fará a diferença amanhã.