Boas colheitas: Sistema Famasul divulga Relatório anual de 2019 - Caarapó Online

Caarapó - MS, quinta-feira, 9 de julho de 2020


Boas colheitas: Sistema Famasul divulga Relatório anual de 2019

O Valor Bruto da Produção teve um excelente desempenho, com estimativa de fechar o ano com aumento de 10,89%, sendo 17,8% na pecuária e 7,3% na agricultura

Publicado em: 27/12/2019 às 06h35

Famasul

Um ano de boas colheitas. Assim pode ser definido 2019 para a agropecuária de Mato Grosso do Sul. Neste mês de dezembro, o balanço das ações realizadas pelo Sistema Famasul aponta que o agro exportou US$ 4,2 bilhões, representando 95,63% do total comercializado para o exterior, especialmente para China (40,52%), União Europeia (10,27%) e Estados Unidos (3,71%).


O VBP (Valor Bruto da Produção) teve um excelente desempenho, com estimativa de fechar o ano com aumento de 10,89%, sendo 17,8% na pecuária e 7,3% na agricultura. A produção agrícola reflete essa evolução. A safra do milho 2018/2019 cresceu 55,1% em relação à anterior, com produção de 12,1 milhões de toneladas.Também houve aumento significativo na safra da soja (8,8 milhões), produtos florestais (18,1 milhões de metros cúbicos) e cana-de-açúcar (49 milhões de toneladas).


Na produção de carne bovino a expectativa é de um salto de 11,45% comparada a 2018, passando de 835,8 mil toneladas para 931,5 mil toneladas.


A representatividade do Sistema Famasul também foi destaque, com total de 160 agendas nas mais diversas áreas, como meio ambiente, recursos hídricos, políticas econômica e agrícola, grãos, fibras, pecuária de corte e leite, suinocultura, avicultura, apicultura, piscicultura, assuntos fundiários, sanidade animal e vegetal e trabalho e emprego.


Por meio da Assistência Técnica e Gerencial (ATeG), 3.978 produtores rurais foram atendidos em 2019. Foram mais de 23,1 mil visitas nas propriedades em 98,7% dos municípios de todo estado. Os 161 técnicos foram responsáveis por 50 mil recomendações aos produtores atendidos. Neste ano, o Sistema Famasul promoveu 52 eventos técnicos, com 5.680 participantes.


Também teve relevância o trabalho socioeducativo realizado por meio do Agrinho – o maior programa de responsabilidade social do Senar/MS. Somente neste ano, contemplou 160 mil alunos, de 472 escolas de 72 cidades. Os programas e projetos especiais abrangeram 16,8 mil participantes, incluindo o Pingo D'água, que oferece serviço odontológico, e o Saúde do Homem e da Mulher Rural, que oferece exames e consultas gratuitas no campo.


Os cursos de Promoção Social e Formação Profissional Rural contabilizaram 48.327 mil pessoas. O Senar Jovem Aprendiz encerra 2019 com total de 19 turmas e 304 participantes. O Curso técnico em Agropecuária teve 764 candidatos inscritos e o Técnico em Agronegócio, 310 (turmas em 2018 e 2019).