Reajuste dos servidores chega à Câmara e será votado com urgência - Caarapó Online

Caarapó - MS, quarta-feira, 21 de outubro de 2020


Reajuste dos servidores chega à Câmara e será votado com urgência

Prefeitura de Campo Grande prevê 4,17% de aumento para o funcionalismo público, mesmo percentual aplicado para os professores

Publicado em: 26/10/2019 às 16h09

Campo Grande News

O projeto de lei do Executivo que prevê aumento de 4,17% para os servidores municipais foi enviado nesta sexta-feira (25) para a Câmara de Campo Grande. O prefeito Marquinhos Trad (PSD) já havia dito que a proposta seria protocolada até segunda-feira (28) e nesta manhã, ele disse que adiantou o envio. “Nossa gestão é justa”, autoelogiou-se.

O presidente a Câmara, vereador João Rocha (PSDB), confirmou o recebimento e disse que dará conhecido sobre o projeto aos outros parlamentares na sessão de terça-feira (29). “Vamos votar o mais rápido possível. Se for um projeto q contempla os servidores não vejo problema em ser votado em regime de urgência. Acredito que até o final da semana é possível colocá-lo em votação”, completou.

O reajuste previsto é o mesmo já concedido aos cerca de 6,5 mil professores da rede municipal, em acordo assinado em junho deste ano. Naquele período, foi acordado o pagamento escalonado, sendo 1% pago em outubro e 3,1386% em dezembro. Para esses profissionais ainda está previsto 1% em janeiro de 2020, relacionado ao piso nacional.

O texto ainda não está disponível para consulta on-line no site da Câmara, mas em visita à Casa de Leis na quinta-feira (24), o secretário municipal de Gestão, Agenor Mattiello, havia dito que o acréscimo será pago de forma escalonada, também para o restante do funcionalismo, podendo ter parcela duplicada em novembro.