PSL vai expulsar vereadora detida em Alagoas - Caarapó Online

Caarapó - MS, terça-feira, 2 de junho de 2020


PSL vai expulsar vereadora detida em Alagoas

PSL vai expulsar vereadora detida em Alagoas por crime eleitoral em favor de Fernando Haddad, Eliana Fofa tinha adesivos de Haddad e distribuía alimentos e presentes a eleitores

Publicado em: 30/10/2018 às 09h24

Gazetaweb

Detida no último domingo (28/10) em Santana do Ipanema (AL), acusada de crime eleitoral que beneficiaria o candidato a presidente Fernando Haddad (PT), a vereadora Eliana da Silva Bezerra (PSL) será expulsa do Partido Social Liberal (PSL), sigla do presidente eleito Jair Bolsonaro, a que a política sertaneja é filiada desde 1999.

“A vereadora foi presa por conta de denúncia de fiscais do próprio PSL ao Ministério Público Estadual (MPE). E por conta da prática do ilícito eleitoral e infidelidade estatutária, será expulsa do partido, mesmo que ela tenha sido eleita antes da entrada do Bolsonaro no PSL”, informou Flávio Moreno, presidente do PSL em Alagoas, através de nota.

Na tarde de domingo (28/10), o Ministério Público Estadual de Alagoas divulgou que a vereadora conhecida como Eliana Fofa distribuía lanches e brindes a eleitores, nas proximidades do Colégio Laura Chagas, na cidade de Santana do Ipanema.

Ao receber a denúncia, o promotor foi até a vereadora e, de fato, constatou que ela estava com o carro cheio de presentes e com adesivos do candidato à presidência da República, Fernando Haddad, além de adesivos dos candidatos do MDB já eleitos no 1ª turno, ao cargo de governador, Renan Filho; de deputado federal, Isnaldo Bulhões; e de deputado estadual, Olavo Calheiros.