Atriz famosa de Myanmar deixa a fama e se torna monja budista - Caarapó Online

CAARAPÓ - MS, quinta-feira, 9 de dezembro de 2021


Atriz famosa de Myanmar deixa a fama e se torna monja budista

Atriz famosa de Myanmar deixa a fama e se torna monja budista

Publicado em: 15/08/2021 às 10h40

Redação

A atriz de Mianmar (fronteira com a INDIA) tornou-se MONJA budista deixando a vida luxuosa e aceitando a vida simples para praticar o monaquismo budista para purificar a mente, seguindo os ensinamentos de Buda para alcançar objetivos de vida que chamam de Nibbana e o fim do renascimento.

Ela é uma atriz, modelo e cantora popular na indústria de Flim de Mianmar. Ela decidiu se tornar uma freira budista, seu nome é “Soe Pyae Thazin”. Estamos desejando que talvez ela alcance um bom conhecimento do budismo e seja capaz de cumprir (parami) dez perfeições.

O dinheiro não é tudo, a beleza não é permanente, nome e fama não duram muito. Apenas a Virtude, Sabedoria e parami são tudo em nossa vida. Este é o ensinamento de Buda para toda a humanidade.

Adotando a vida de monja, ela deverá seguir os preceitos básicos da vida de monja budista (Theravada) que são os seguintes:

1. Assumiu o preceito de abster-se de destruir (matar) as criaturas vivas.

2. Comprometeu-se com o preceito de abster-se de tomar (roubar) o que não é dado.

3. Assumiu o preceito de abster-se de qualquer atividade sexual.

4. Assumiu o preceito de abster-se de falar palavras incorretas (mentiras, fofocas).

5. Aceitou o preceito de abster-se de ingerir bebidas e drogas intoxicantes que conduzam ao descuido.

6. Comprometeu-se com o preceito de abster-see de comer nos horários proibidos (ou seja, após o meio-dia).

7. Comprometeu-se com o preceito de abster-se de dançar, cantar, música, ir ver entretenimentos.

8. Aceitou o preceito de abster-se de usar brincos, colares, usar perfumes e embelezar o corpo com cosméticos.

9. Aceitou o preceito de não se deitar em um lugar alto ou camas luxuosas para dormir.

10. Se comprometeu com o preceito de abster-se de aceitar ouro e prata (qualquer dinheiro).