Cinco dias depois do marido Humberto Teixeira, Covid-19 mata a esposa Vecilde Teixeira - Caarapó Online

Caarapó - MS, sábado, 6 de março de 2021


Cinco dias depois do marido Humberto Teixeira, Covid-19 mata a esposa Vecilde Teixeira

Cinco dias depois do marido Humberto, Covid mata a esposa amada Vecilde Teixeira

Publicado em: 27/01/2021 às 07h28

Clóvis Oliveira

Cinco dias depois da morte do ex-prefeito Humberto Teixeira, que perdeu a luta para a Covid-19, a doença vitimou na madrugada desta terça-feira (26) a mulher dele, Vecilde Volpe Teixeira, aos 82 anos de idade, mesma idade com que o marido faleceu. Ambos estavam internados na UTI do Hospital Evangélico desde o final do ano passado.

Vecilde chegou a Dourados, casada com Humberto Teixeira, à época dedicado ao ramo do agronegócio rural, em meados da década de 60. Aqui constituíram família, com os  cinco filhos Silvano Teixeira (também já falecido), Sonia Maria, Selma Maria, Humberto Teixeira Junior e Guilhermo Garcia, e tiveram os netos Juliana, Douglas, Paloma, Pablo, Silvana e Lucas, Marco Antônio e Melissa Garcia, e ainda as bisnetas Maya, Noah, Valentina, Antonela e Manuella.

A gestão do prefeito Humberto Teixeira (1993-1996) ficou marcada, especialmente, no setor habitacional, com a implantação do Projeto Canaã que proporcionou a construção de quase 2.000 unidades residenciais, além de 3.200 lotes urbanizados. Além de prefeito, presidente da Assomasul, a Associação dos Municípios do Estado e deputado estadual por dois mandatos, Humberto também foi candidato a vice-governador de Ricardo Bacha em 1998.