Semana de Engenharia Mecânica na UFGD, mesmo remota, surpreende participantes - Caarapó Online

Caarapó - MS, quarta-feira, 21 de outubro de 2020


Semana de Engenharia Mecânica na UFGD, mesmo remota, surpreende participantes

Semana de Engenharia Mecânica, mesmo remota, surpreende participantes

Publicado em: 12/10/2020 às 05h53

Assessoria

Troca de experiências e conhecimento técnico, assim pode ser definida a VI Semec, a Semana Acadêmica de Engenharia Mecânica, evento realizado de forma remota pelo Google Meet, e também pelo aplicativo ZOOM, e que surpreendeu professores, alunos e palestrantes, e encerrou com um feedback considerado altamente positivo. “Tivemos um resultado incrível, com certeza uma das melhores edições. Mesmo os assuntos abrangentes que não são ligados diretamente ao curso, contribuíram para a formação profissional e pessoal dos acadêmicos e eles conseguiram perceber que havia conexão entre os temas. Em todos os minicursos nós fizemos um formulário de opinião, e 95% dos estudantes mostraram-se satisfeitos”, afirmou Alisson Lemos, coordenador do curso.

Outro fator que surpreendeu o coordenador foi o fato dos alunos e colaboradores ficarem tão interessados nos assuntos abordados que pediram para dar continuidade em outro momento. “Mesmo remotamente conseguimos ter profissionais gabaritados de forma colaborativa, não teve apoio financeiro. E surgiu tanta coisa bacana durante a Semec que alguns palestrantes pediram mais tempo, então vamos ter uma live com eles. E o engenheiro Luis Cesar Menezes, escritor de vários livros, propôs promover um hackathon em parceria com a Inova, aqui na Unigran após a pandemia, para que ele venha e traga problemas práticos das indústrias para os alunos resolverem”, explicou.

O engenheiro Welitton Perroni ministrou a palestra ‘Transformação Digital nas Indústrias’ em parceria com o engenheiro Márcio Silvério. Eles apresentaram aos acadêmicos a evolução desse processo digital desde a indústria 1.0. Welitton comentou sobre a troca de experiência com os participantes. “Além da parte técnica, fizemos questão de frisar a importância da Engenharia, principalmente do engenheiro mecânico nesse processo evolutivo. Foi bacana a interação com os estudantes, eles fizeram perguntas voltadas também para um perfil de experiência profissional, como deveriam ou não atuar”, disse.

Luis Cesar Menezes apresentou a palestra ‘Projetos de Vida, Como Guiar Meus Passos no Futuro’ e o minicurso ‘Ágil, Híbrido ou Tradicional: Como Planejar e Executar Projetos Bem-sucedidos’. Na primeira, o engenheiro abordou sobre a importância de ter objetivos definidos e o caminho para alcançá-los.

“Todos os dias em suas vidas e suas carreiras profissionais, as pessoas experimentam frustrações, desânimo, desvios de rota. Muitas vezes pela ausência ou pouca clareza das metas e objetivos para atingir certos focos que desejam, para concretizar seus sonhos. Criamos métodos para as pessoas avaliarem várias áreas da vida e, assim, começar a fazer planejamentos a curto, médio e longo prazo, estabelecendo focos para atingir esse objetivo de maneira mais plena”, destacou.

Já durante o minicurso, o assunto foi um pouco mais técnico. Luis trouxe estudos de casos para trabalhar com os acadêmicos e apresentou os elementos e conceitos de cada perfil de um projeto. “Os participantes tiveram a oportunidade de conhecer o que é um projeto, depois entender como começa um projeto e como ele se desenvolve em cada um dos perfis trabalhados. Tivemos várias atividades individuais e em grupo, e isso deve agregar muito na carreira profissional deles, porque a área de gestão de projetos é muito ampla”, conclui.

Mesmo com uma dinâmica totalmente diferente dos anos anteriores por ocorrer de forma on-line, a Semana Acadêmica foi muito proveitosa para os estudantes, como afirmou Wesley Fernando Falavigna. “Claro que seria ótimo poder estar na presença de pessoas que são renomadas, ter esse contato físico com eles, a dinâmica foi um pouco diferente sim, mas para quem estava interessado em aprender foi algo muito prazeroso, não foi um empecilho limitante. Os assuntos eram interessantes e os profissionais têm amplo conhecimento no que abordaram, foi muito agradável assistir”, declarou o acadêmico do 10º semestre.

“Foi tudo positivo e queremos usar muito dessa estrutura para os próximos eventos, mesmo quando sair da pandemia. Os alunos entenderam muito bem a lógica da Semec, e ficaram mais motivados. Alguns estavam preocupados se conseguiriam um emprego por não ter uma percepção da carreira. Nós falamos de diversas áreas para atuar, e aqueles acadêmicos que estavam desanimados viram que tem muita coisa para fazer. Mesmo nesse momento de crise, viram que está precisando de profissionais, pessoas que estejam engajadas dentro do que o mercado precisa. Então abriu os olhos de todos, principalmente de quem está formando agora. A construção não foi só técnica, foi pessoal, psicológica, emocional”, encerrou Alisson.

Minicursos Oferecidos

A Semana Acadêmica de Engenharia Mecânica da Unigran contou ainda com os minicursos ‘Inteligência Emocional no Ambiente Corporativo’, ministrado pelas psicólogas Natielli Oshiro e Rafaella Carvalhaes; ‘As Mudanças nos Paradigmas Organizacionais em Tempos de Crise’, com Mateus Brunetto; ‘Introdução ao MATLAB’, com o engenheiro Daniel Colombo; ‘Automação Industrial (Monitoramento e Controle)’, ofertado pelo engenheiro Camilo Pedra; ‘Empreendedorismo na Engenharia Mecânica’, com o engenheiro Roni Amaral; ‘Aplicando a NR-13’, ministrado pelo engenheiro José Roberto; ‘Equilíbrio Emocional, Onde Encontrar Apoio em um Momento de Crise?’, com a psicóloga Daniela Bottega; e a palestra ‘Automação de Maquinas’, ofertada pelo engenheiro Renato Lúcio.