Identifique os diferentes sintomas da gripe e da Covid-19 - Caarapó Online

Caarapó - MS, quarta-feira, 21 de outubro de 2020


Identifique os diferentes sintomas da gripe e da Covid-19

Com o medo de uma "twindemia" nos Estados Unidos neste outono, aqui está um guia para entender o que está fazendo você se sentir péssimo.

Publicado em: 04/10/2020 às 08h49

New York TIMES - USA

À medida que a temporada de influenza se aproxima, alguns americanos, especialmente os pais, estão preocupados que, se eles ou seus filhos ficarem doentes, pode não ser fácil saber que doença eles têm - seria uma gripe ou a Covid-19.

Eles estão corretos. A maioria dos sintomas das duas doenças são tão semelhantes que, com falta de um teste - ou dois ou três testes - não será possível saber com certeza. Mas existem algumas pistas. (E é possível ter as duas infecções ao mesmo tempo; alguns pacientes na China este ano apresentaram as duas.)

Mas primeiro: tome uma vacina contra a gripe.

Ainda não está claro se os Estados Unidos terão grande temporada de gripe este ano. A atividade da gripe no hemisfério sul, que costuma ser preditiva de atividade nos Estados Unidos, foi 99% abaixo do normal durante o inverno. Epidemiologistas acreditam que é porque australianos, neozelandeses, sul-africanos, chilenos e outros residentes da metade sul do globo usavam máscaras, distanciando-se vários metros e lavando as mãos para prevenir a transmissão do coronavírus. Essas mesmas precauções também evitam a transmissão da gripe.

Como há poucos voos entre o hemisfério sul e os Estados Unidos no momento, pode não haver oportunidade para as quatro cepas de gripe sazonal usuais se “propagarem” novamente entre os americanos. Se o fizerem, as máscaras e o distanciamento social devem limitar sua disseminação.

Mesmo assim, os especialistas recomendam que todos os americanos tomem vacinas contra a gripe. Antes de terminar abruptamente durante o bloqueio, a temporada de gripe do ano passado estava a caminho de ser uma das piores da memória recente. O número de crianças que morreram foi igual ao da temporada 2017-18, que foi o pior desde que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças começaram a rastrear as mortes na temporada de gripe em 1976.

Se você pegar uma gripe, dizem os especialistas, depois de tomar a vacina, é muito menos provável que você seja hospitalizado ou morra.

Por causa do medo de uma "twindemia", as vacinas contra a gripe foram tomadas em grande número este ano e distribuídas para farmácias e consultórios médicos a partir de agosto, que é cedo. No final do mês passado, alguns médicos relataram dificuldade em pedir quantos quiserem, mas as redes de farmácias dizem que estão recebendo suprimentos regulares. Para encontrar uma vacina contra a gripe, experimente vacinafinder.org ou um dos sites de farmácias da rede, como CVS.com/immunizations/flu.

Avaliando a diferença entre um resfriado e uma gripe.

Existem pelo menos 100 vírus que podem causar o resfriado comum, mas apenas quatro causam a gripe sazonal. Muitas pessoas que ficam resfriadas presumem que estão com gripe, mas os especialistas sempre dizem a mesma coisa sobre como saber a diferença: “A gripe faz você se sentir como se tivesse sido atropelado por um caminhão”. A febre, as dores de cabeça de um caso grave de gripe são geralmente piores do que um caso de vírus sincicial respiratório, rinovírus ou outros vírus do resfriado comum.

Todos conhecem os sintomas da gripe: febre, dores de cabeça, dores no corpo, dor de garganta, coriza, seios da face entupidos, tosse e espirros - e, para crianças, infecções de ouvido. Algumas vítimas, especialmente crianças, também apresentam diarreia ou vômito.

Em casos graves, a complicação mais comum é a pneumonia. Os sinais típicos de uma pneumonia por gripe são falta de ar, especialmente quando você se esforça, e respiração extraordinariamente rápida - os médicos costumam procurar isso em crianças - e às vezes dor no peito ou nas costas.

Identificar Covid-19 por seus sintomas semelhantes a gripe e "maluco".

Saber se você tem Covid-19 é muito mais complicado porque existem tantos sintomas diferentes - e às vezes bem malucos -, muitos dos quais semelhantes aos da gripe. Os sintomas mais comuns são febre alta, às vezes com calafrios, tosse seca e fadiga.

O único sinal que realmente distingue as duas infecções é que muitas vítimas de Covid-19 perdem repentinamente o olfato - não porque estejam com o nariz entupido, mas porque não registram nem mesmo odores fortes como cebola ou café. Nem todas as vítimas do vírus têm anosmia, o nome formal para perda do olfato, mas um estudo descobriu que 87% sim.

Os sintomas menos comuns incluem dor de garganta, congestão, coriza, vômito, diarreia, dor de estômago e sensação de falta de ar ao fazer exercícios. Algumas vítimas têm olhos vermelhos ou coceira, e algumas ficam com vermelhidão ou bolhas nos dedos das mãos ou dos pés - os chamados dedos Covid-19, que se assemelham a frieiras.