Homem é detido no DF após manchar toda calçada com tinta vermelha - Caarapó Online

Caarapó - MS, quarta-feira, 28 de outubro de 2020


Homem é detido no DF após manchar toda calçada com tinta vermelha

Um cúmplice o ajudou a fugir, mas ele retornou aos gritos de protesto "em favor da juventude"

Publicado em: 09/06/2020 às 07h35

Cláudio Humberto

Um homem emporcalhou com tinta vermelha a calçada do Palácio do Planalto, na manhã de segunda-feira (08.06), e depois retornou ao local do crime e foi finalmente preso.

Ele se aproximou com a lata de tinta nas mãos e a despejou na calçada. Em seguida, um cúmplice o ajudou a fugir do local em uma motocicletas. Mas meia hora depois ele apareceu.

O homem, de presumíveis 30 anos, desceu de um carro diante do Planalto, e começou a gritar que fez aquilo para protestar “em favor da juventude brasileira”. Suas roupas sujas de tinta confirmavam a autoria do crime.

Em segundos, ele foi imobilizado por agentes de segurança e conduzido ao subsolo do Planalto através de uma escada existente no estacionamento externo. Enquanto era conduzido, o homem gritou algumas vezes que estava sendo “agredido”, mas imagens feitas pelo jornalista Márcio Rocha mostraram que ele mentia.


A suspeita é de que se trate de alguém buscando projeção ou mesmo um pré-candidato às eleições municipais deste ano, quando serão eleitos prefeitos e vereadores.

Mais cedo, o manifestante bolsonarista Renan Sena, que já responde a processo por insultar enfermeiros que protestavam na Praça dos Três Poderes, investiu agressivamente contra um motorista que reclamou da sua presença no meio da rua, em frente ao Planalto, atrapalhando o trânsito.