Dicas de como 'driblar' a lentidão da sua conexão com a internet - Caarapó Online

Caarapó - MS, quinta-feira, 2 de julho de 2020


Dicas de como 'driblar' a lentidão da sua conexão com a internet

Proteste dá dicas de como o consumidor pode 'driblar' a lentidão da sua conexão com a internet

Publicado em: 01/06/2020 às 08h40

Barulho Curitiba

A Proteste, Associação de Consumidores, dá 10 dicas para os consumidores evitarem a lentidão da internet durante a quarentena. A quarentena provocada pela pandemia do coronavírus tem forçado as pessoas a ficarem em suas casas. E a única janela para o mundo, para quem tem seguido à risca as orientações das autoridades de saúde, tem sido a internet. Tanto para questões de trabalho, entre aqueles que podem lançar mão do recurso do home office, quanto para o lazer, com recursos como streaming de filmes e séries, jogos online e videoconferências.

O portal da Altroconsumo, da Itália, publicou recentemente 10 dicas universais para você evitar sobrecargas desnecessárias na sua rede de internet . A Altroconsumo faz parte da Euroconsumers, uma organização sem fins lucrativos, formada por associações de consumidores europeias que também estão presentes na Bélgica, Portugal e Espanha. Além, é claro, da Proteste do Brasil. Veja as dicas da Altroconsumo:

Baixe filmes e séries de TV para assistir depois

Para congestionar menos a rede, pode ser uma boa ideia fazer o download dos filmes ou séries de TV que você pretende assistir, evitando, assim, a conexão à rede durante os horários de pico. A maioria das plataformas de streaming oferece essa opção. No Brasil, o melhor horário para fazer esses downloads é na madrugada.

Modo offline em audiolivros e músicas

Assim como no caso dos streamings de vídeo, a regra se aplica a audiolivros e playlists no Spotify, por exemplo. A abordagem é a mesma: limitamos o uso da banda durante o dia e baixamos o que pode nos ser útil na madrugada, para usar esses suportes no modo offline.

Reduza a qualidade dos vídeos no streaming

Será que tudo o que passa na sua tela precisa mesmo ter a mais alta qualidade? Muitas plataformas já cuidaram disso, como Netflix, YouTube e Amazon Prime, reduzindo a qualidade dos seus vídeos na Europa para limitar a sobrecarga da rede. Verifique se o seu serviço de streaming oferece essa opção de reduzir a qualidade. Isso fará com que você consuma menos banda.

Interrompa a reprodução automática de vídeos nas redes sociais

Quando você abre o Facebook ou Instagram, os vídeos são reproduzidos automaticamente à medida em que você percorre o seu feed? Caso sua resposta seja sim, saiba que isso impacta desnecessariamente na rede. Para mudar, basta ir nas configurações e desmarcar o modo de reprodução automática. Dessa forma, os vídeos só irão rodar após um clique.

Faça conferências sem vídeo

As videoconferências estão ajudando as pessoas a não perderem o contato com seus colegas. E de fato, tornam as reuniões de negócios menos alienantes. Mas o uso do vídeo nem sempre é necessário. Por isso, assim como fazemos ao deixar o microfone mudo quando não estamos falando, pode ser uma boa prática excluir o vídeo quando você estiver apenas ouvindo alguém falar.

Repense o uso do telefone

Em vez de usar a sua internet para fazer uma chamada de voz, por que não resgatar o uso do seu telefone fixo , ou mesmo do seu celular, caso tenha um, para fazer uma ligação? Essa pode ser uma boa maneira de não sobrecarregar a sua banda larga.

Sinal Wi-Fi fraco? Use um cabo Ethernet

Muitas vezes o sinal Wi-Fi pode apresentar problemas como navegação lenta ou sinal fraco. Nesses casos, especialmente se você precisa da internet para trabalhar, pode ser útil conectar seu computador à internet diretamente por um cabo Ethernet, dispensando a rede sem fio. Isso tornará sua conexão mais estável e rápida.

Repetidores de sinal Wi-Fi

Se o sinal Wi-fi na sua casa não for uniforme em todos os cômodos, pode ser interessante você adotar um reforço com o uso de repetidores . Estrategicamente posicionados no ambiente, eles promovem a melhora do sinal em áreas que, por razões arquitetônicas - que vão da distância em relação ao modem a barreiras físicas, como paredes espessas e portas - apresentam dificuldades de conexão.

Use também o seu pacote de dados do celular

Uma vez que estamos todos em casa, o celular se tornou praticamente um aparelho fixo. Por isso, que tal gastar os dados que você tem disponíveis no seu smartphone em vez de ter mais um dispositivo conectado à rede de Wi-Fi de casa, além de computador e Smart TVs, por exemplo? Dessa forma, você alivia um pouco mais a rede doméstica.

Teste a velocidade da rede

Muitos dos problemas que estão ocorrendo neste período de quarentena podem ser atribuídos à sobrecarga das redes, devido ao uso massivo das pessoas que precisam ficar em casa respeitando o isolamento social. De qualquer forma, é importante que você sempre faça um acompanhamento da velocidade (speed test) da sua Internet. 

Velocímetro 

Com o velocímetro da Proteste, é possível contar com o apoio de uma equipe especializada em Defesa do Consumidor para garantir que os direitos dos consumidores sejam cumpridos. Se ao testar a velocidade da internet, o resultado não for satisfatório, o consumidor pode entrar em contato com a PROTESTE que poderá ajudá-lo a resolver esse problema, como por exemplo, exigindo que o consumidor seja reembolsado ou tenha um abatimento proporcional no valor da sua conta. Outro link para TESTAR a VELOCIDADE: https://pcm-intl.speedtestcustom.com/


As prestadoras de serviços são obrigadas pela Anatel a garantir uma média de 80% da velocidade contratada. Além disso, o resultado do teste não pode ser menor que 40% do contratado. Trata-se de uma questão contratual e um direito do consumidor.