No distúrbio da pandemia, Caarapó (MS) ainda gera empregos - Caarapó Online

Caarapó - MS, sábado, 26 de setembro de 2020


No distúrbio da pandemia, Caarapó (MS) ainda gera empregos

Na contramão da crise, Caarapó é destaque no ranking na geração de empregos em MS

Publicado em: 30/05/2020 às 10h22

Dilermano Alves

Nos meses de isolamento social, Mato Grosso do Sul teve saldo negativo na geração de empregos. Em abril, o saldo foi negativo para 6.992 vagas - a nona menor variação do Brasil.

Caarapó é um dos municípios do Estado - e até mesmo do Brasil - que teve saldo positivo na geração de empregos no primeiro quadrimestre deste ano, mostram os dados do Cadastro Geral De Empregados e Desempregados do Ministério da Economia (Caged). Nos primeiros quatro meses do ano, foram 355 novas vagas de trabalho geradas no Município, que ocupa atualmente a sexta colocação no ranking estadual de geração de emprego. Os municípios que estão à frente de Caarapó são: Naviraí (576), Rio Brilhante (486), Sonora (467), Aparecida do Taboado (386) e Nova Andradina (362).

Em abril, mesmo com início dos decretos e isolamento social, Caarapó teve saldo positivo de 144 novos empregos, ficando na terceira colocação no ranking estadual, atrás apenas de Sonora (286) e Naviraí (185).

De acordo com o prefeito, os números são positivos. “Somos um dos pouquíssimos municípios, que em meio a pandemia, a registrar saldo positivo de 355 vagas com carteira assinada neste ano de dificuldades. Isso mostra que nossos decretos, que buscaram o equilíbrio nas áreas econômica e da saúde, trouxeram medidas acertadas. Nesse período, com isolamento social e restrições de funcionamento da atividade econômica, ficamos em terceiro lugar na geração de empregos e também somos uma das cidades menos atingidas com casos de Covid-19”, comemorou.

“Mas nem por isso podemos relaxar, temos que buscar alternativas para gerar mais emprego e renda para nossa gente, mas sem descuidar das ações pontuais que protejam a saúde da nossa população”, ponderou o dirigente.

O prefeito destaca a geração de empregos com a chegada de pequenas e médias empresas, crescimento de setores do comércio, da indústria, da agroindústria rural (fazendas) e prestação de serviços.

“A geração de empregos com carteira assinada sempre foi uma preocupação de nossa administração. As parcerias para garantir novos postos de trabalhos foram fortalecidas e o Município tem ampliado o apoio e incentivo à agroindústria e a novas empresas, também mantendo e lançando obras que geram emprego e renda em nosso município. Portanto, a criação de mais empregos formais é uma meta que temos alcançado e vamos continuar atuando para que mais caarapoenses possam ter o emprego para o sustento de suas famílias”, finalizou em sua fala o prefeito André Nezzi.