Carne produzida e processada em MS será exportada para a Tailândia - Caarapó Online

Caarapó - MS, terça-feira, 7 de julho de 2020


Carne produzida e processada em MS será exportada para a Tailândia

Em meio a pandemia, Tailândia abriu mercado e aprovou a importação dos produtos de cinco frigoríficos brasileiros

Publicado em: 27/05/2020 às 07h01

Glaucea Vaccari

Em meio a pandemia do coronavírus, a Tailândia abriu seu mercado para a carne bovina com osso, carne desossada e miúdos comestíveis de bovinos do Brasil. Cinco estabelecimentos frigoríficos foram aprovados pelo país asiático a exportar, sendo um localizado em Mato Grosso do Sul.

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), além de Mato Grosso do Sul, também foram habilitadas plantas frigoríficas do Pará, Rondônia, Goiás e Mato Grosso. "Mais uma boa notícia para o agro brasileiro", comemorou a ministra Tereza Cristina. Na semana passada, o Mapa já havia anunciado a abertura do mercado da Tailândia para os produtos lácteos.

Segundo o secretário de Comércio e Relações Internacionais do Mapa, Orlando Leite Ribeiro, negociação realizada para a concretização da abertura do mercado asiático para carne bovina desossada, carne bovina com osso e miúdos, tem potencial de geração de receita de US$ 100 milhões nos próximos anos.

Processo de negociação teve início em 2015 com intensas conversas entre o Mapa e o Departamento de Desenvolvimento da Pecuária e o Ministério da Agricultura e Cooperativas da Tailândia, apoiadas pela adida agrícola e pela Embaixada do Brasil em Bangkok (Tailândia). Recentemente, o secretário adjunto Flavio Bettarello esteve, por duas ocasiões, naquele país com as autoridades da área agropecuária.

Em 2019, a Tailândia (Ásia) importou do mundo todo cerca de US$ 90 milhões em carne bovina.